quarta-feira, 9 de outubro de 2019

Homem se revolta com corte de cabelo e resolve matar amigo a facadas



Um homem foi preso após matar um colega de trabalho a facadas em Juquiá, no interior de São Paulo. Ele confessou o crime e disse ter matado o amigo após a vítima ter 'cortado seu cabelo' e o penteado não ter ficado bom. As informações foram divulgadas pela polícia na manhã desta quarta-feira (9).

Segundo apurado pelo G1, a Polícia Militar recebeu uma denúncia sobre um homicídio dentro de uma casa, na área rural da cidade, no bairro Cachoeirinha. Os policiais foram até o local e encontraram o corpo de Vanilton Pereira de Araujo, de 61 anos, com vários golpes de faca.

Uma testemunha disse aos policiais militares que o autor do crime era Valdecir de Lima de Alves, de 42 anos, conhecido no bairro como “Maluquinho”, e amigo de serviço da vítima. Ele e Vanilton trabalhavam como lavradores.

Após assassinar o colega de trabalho, Valdecir foi à casa do vizinho e confessou o crime. Logo em seguida, os policiais militares iniciaram diligências para localizá-lo e o encontraram próximo a residência da vítima.

Ainda de acordo com a PM, informalmente, Valdecir confessou o crime. Ele contou que estava na casa de Vanilton e os dois estavam 'bebendo'. Depois, iniciaram uma discussão. Valdecir falou que assassinou o amigo porque ele cortou o seu cabelo e ele não gostou do penteado.

O lavrador foi preso em flagrante e encaminhado à Cadeia Pública de Registro, onde permanece à disposição da Justiça. De acordo com a Polícia Civil, Valdecir era procurado pela 1ª Vara Criminal da comarca de Mairinque.
G1 Santos


Relacionadas

Homem se revolta com corte de cabelo e resolve matar amigo a facadas
4/ 5
Oleh

Postagem mais recente Postagem mais antiga Página inicial