quarta-feira, 16 de outubro de 2019

Dupla encapuzada invade casa e mata mulher a tiros na frente da neta de 12 anos, em Fagundes, PB



Uma mulher de 47 anos foi morta a tiros na madrugada desta quarta-feira (16), em Fagundes, no Agreste paraibano. De acordo com o delegado Seccional da Polícia Civil de Esperança, Danilo Orengo, que acompanha o caso, dois homens encapuzados invadiram a casa da vítima para matar o filho dela mas, como o jovem não estava no local, a dupla atirou à queima-roupa na mulher. Uma criança de 12 anos, neta da vítima, presenciou o crime.

Segundo o delegado, o caso aconteceu por volta da 1h, mas a Polícia Civil só foi acionada ao local uma hora depois. A casa onde a vítima foi morta fica na Zona Rural do município. “Pelos menos um dos suspeitos estava armado com um revólver. A dupla tentou entrar no local pela janela da casa, mas não conseguiram e então arrombaram a porta da residência”, explicou Danilo Orengo.

No momento em que os suspeitos entraram na casa, só estavam no local Célia Maria do Nascimento, de 47 anos, e a neta dela, de 12 anos. Conforme o delegado, como a dupla não encontrou o filho da mulher dentro da casa, um dos suspeitos matou ela com dois tiros à queima-roupa, na frente da criança.

“Eles foram na casa para matar o filho da mulher, por causa de uma dívida de drogas. Como o rapaz não estava no local, um dos suspeitos ‘enquadrou’ a mulher dentro de um quarto e atirou três vezes contra ela, à queima-roupa. A vítima foi atingida por dois tiros, um no peito e outro na cabeça”, relatou o delegado.

Ainda de acordo com Danilo Orengo, a criança que presenciou o crime é filha da irmã do jovem que os suspeitos queriam matar. A menina foi encontrada pela Polícia Civil em estado de choque, ainda no local do crime.

Até as 11h desta quarta-feira, as informações do delegado eram de que a polícia estava tentando localizar o filho da vítima, para que o jovem preste esclarecimentos do caso, e nenhum dos suspeitos do crime havia sido identificado. O corpo da mulher foi encaminhado ao Núcleo de Medicina e Odontologia Legal (Numol) de Campina Grande.

Vítima de 47 anos foi morta com dois tiros
à queima-roupa, dentro da casa onde morava
em Fagundes, PB (Foto: Polícia Civil/Divulgação)
G1 PB


Relacionadas

Dupla encapuzada invade casa e mata mulher a tiros na frente da neta de 12 anos, em Fagundes, PB
4/ 5
Oleh

Postagem mais recente Postagem mais antiga Página inicial